quinta-feira, 17 de novembro de 2016

O TEMPERAMENTO REVELADO PELO MAPA NATAL




Através do Mapa Natal é possível ter revelações sobre as tendências de temperamento e saúde?  

O filósofo Empédocles e o médico Hipócrates são considerados os percursores  do estudo da teoria dos quatro elementos:terra, fogo, ar e água e sua relação com os temperamentos e a saúde. Não se pode descartar, que ambos desenvolveram este conhecimento por meio do estudo da astrologia já que no passado, e bota passado nesta história , todo bom médico dominava o conhecimento da astrologia e do tratamento com as ervas.  O fato é que o tema é bem interessante.
Nascido em Aeragas, na Magna Grécia (atual Sicília, Itália), no ano de 490 a.C., Empédocles teve um papel preponderante na política defendendo o sistema democrático e ajudando os menos favorecidos.
Ainda que não tenha feito parte de nenhuma escola filosófica, Empédocles se aproximou da Escola Jônica, a primeira escola filosófica grega.
No entanto, ele difere dos primeiros filósofos os quais tentavam compreender a natureza elegendo somente um elemento primordial.
Ou seja, para Empédocles, a origem do universo somente poderia ser explica pela união de vários elementos.
Assim, segundo ele, os elementos primordiais e indestrutíveis que geram todas as coisas são o fogo, a água, o ar e a terra.
Na teoria do filósofo cunhado de “Teoria dos Quatro Elementos”, esses elementos seriam misturados de acordo com dois princípios universais opostos: o amor (philia), que leva a harmonização; e o ódio (nekos), associado com a separação.
Assim, o amor seria responsável pela força de atração, enquanto o ódio, pela força de repulsão. Essas duas forças cíclicas, antagônicas e cósmicas geradas pelos dois princípios revelariam toda a realidade e as coisas existentes no mundo.

Não há registros que Empédocles tenha sido um estudioso da astrologia, o que há são especulações.

Uma das formas de análise mais tradicional do Mapa Natal dá-se através do estudo da importância destes mesmos elementos que segundo a tradição fazem parte da nossa consciência, essência e constituição temperamental.

O elemento fogo ( temperamento bilioso ou colérico): Áries, Leão e Sagitário;
O elemento terra ( temperamento nervoso ou melancólico): Touro, Virgem e Capricórnio;
O elemento ar ( temperamento sanguíneo): Gêmeos, Libra e Aquário;
O elemento água ( temperamento linfático ou fleumático ): Câncer, Escorpião e Peixes.

Estes elementos segundo a astrologia influenciam no nosso padrão de comportamento;

O elemento fogo é associado à intuição: o saber ou deduzir inconscientemente  de onde vem o objeto percebido ou como ele evoluirá mais adiante.
O elemento terra é associado à sensação: perceber o objeto como tal e ver como se apresenta: por exemplo: duro, áspero, quente, fio e etc.
O elemento ar é associado ao pensamento: perguntar o que é realmente o objeto percebido e como ele pode ser incorporado da referência existente.
O elemento água é associado ao sentimento; experimentar o que o objeto percebido desperta na forma de desejo ou aversão e consequentemente, aceita-lo ou não. Por exemplo, o que estou vendo é agradável ou não, é satisfatório ou não.

Hipócrates, 460 a.C. médico considerado como “ Pai da Medicina” classificava os seus pacientes em quatro tipos:  sanguíneo, fleumático (linfático), colérico ( bilioso) e melancólico ( nervoso) . Cada um dos quais apresentava uma hipertrofia ou desenvolvimento excessivo de um sistema ou função.  Para Hipócrates nossos estados fisiológicos estão estreitamente relacionados com o comportamento. Este estudo  tornou-se conhecido como a teoria humoral, baseando-se nos fluídos do nosso organismo.  Sangue, bílis e fleugma ( catarro).

A renomada astróloga Huguette Hirsing, no seu livro Astrologia Médica, A saúde e a doença reveladas no mapa natal- Editora Agora. Ensina através de cálculo como fazer o diagnóstico do nosso temperamento.
Geralmente os programas mais modernos de astrologia já informam estas pontuações.


Pontos / Planetas no mapa
Pontuação
Ascendente
4
Sol
3
Lua
3
Mercúrio
2
Vênus
2
Marte
2
Júpiter
2
Saturno
2
Urano
1
Netuno
1
Plutão
1

O cálculo do temperamento se faz somando os pontos segundo os signos zodiacais nos quais se encontram os planetas.
Simplificando: de posse do seu mapa natal, você deverá anotar:

Quais planetas estão no signo de: fogo, terra, ar e água.

Exemplo:

Planetas Nos Signos de:
Planetas e pontos equivalentes
Signos de fogo
Netuno-1;
Signos de terra
Sol-3,Vênus-2, Ascendente-4 = 9
Signos de ar
Lua-3,Saturno-2, Júpiter-2, Mercúrio-2 = 9
Signos de água
Marte-2, Plutão-1, Urano-1= 4


Neste exemplo a predominância  da maior soma de pontos está no signos de terra ( temperamento nervoso) e no signos de ar ( temperamento sanguíneo);  neste exemplo informa que o nativo tem o temperamento nervoso-sanguíneo.

A combinação Fogo-AR ( bilioso- sanguíneo): tendência ser mais hiperativo, expõe a febres e problemas congestivos. Há tendência para estafar, a queimar mais calorias e se desgastar mais rápido.
A combinação Fogo- Terra ( bilioso-nervoso): tendência  a ter um natureza ativa e perseverante mas frequentemente inquieta, que terá portanto a necessidade de funcionar normalmente com hábitos alimentares fixos e regulares. Existe a necessidade de sentir amado e apreciado, sem o que haverá um ressentimento afetivo que se refletirá no físico.
A combinação Fogo- Água ( bilioso – linfático): tendência a uma forma de alternância entre a hiperatividade e indolência. Dito  de outro modo, começam-se coisas que nunca são terminadas! Todo o sistema linfático, o fígado, a vesícula e o pâncreas ficarão expostos a problemas digestórios.
A combinação Terra- AR ( nervoso- sanguíneo ):  não predispõe a esta mesma moleza: termina-se bem o que se começa, mas à custa de um trabalho sob tensão e em estado de crispação. As consequências são nervosismo, alterações gastrointestinais, e vias respiratórias caso não se tenha o cuidado de aprender a relaxar.
A combinação Ar- Água ( sanguíneo – linfático) ocasionará uma alternância entre as reações vivas e rápidas e uma grande apatia. O individuo se cansa rápido, mas também se recupera rápido.
A combinação Terra- Água ( nervoso- linfático) indica um indivíduo  que trabalha sob tensão nervosa, frequentemente encrespado, mas que sabe relaxar: entrega-se inteiramente ao que faz, tanto no trabalho quanto no repouso. Imaginativo,  e geralmente confunde a sua excessiva inquietação com problemas reais de saúde.

Carência de elementos (planetas):

Tanto o excesso, a falta de planetas em um elemento predispõe a certos males:

Carência de planetas nos signos de fogo: dificuldades, lentidão do funcionamento da vesícula biliar e do fígado.

Carência de planetas nos signos de terra:  falta de resistência nervosa, grande propensão à fadiga.

Carência de planetas nos signos de ar: tendência a problemas respiratórios ( prevenir) atenção para problemas circulatórios.

Carência de planetas nos signos de água:  predispõe a insônia e tendências para agitações, deve aprender a relaxar mais.

quarta-feira, 16 de novembro de 2016

O HOMEM COMO SER DUAL


Dualismo é um conceito religioso e filosófico que admite a coexistência de dois princípios necessários, de duas posições ou de duas realidades contrárias entre si, como o espírito e matériao corpo e a almao bem e o mal, e que estejam um e outro em eterno conflito.
São por excelência doutrinas dualistas aquelas que tentam explicar metafisicamente o universo através de dois princípios irredutíveis entre si.
O dualismo distinguiu-se do monismo, particularmente no século XVIII porque os filósofos monistas defendiam a existência de apenas uma substância, uma única realidade: matéria ou espírito. Os filósofos materialistas não admitem a existência do lado espiritual, da alma.

Descartes terá sido o primeiro filósofo a expor a existências de duas diferentes espécies de substâncias, espiritual (o espírito) e material (o corpo), com o cérebro estabelecendo ligação entre elas.

A dualidade na Astrologia:

O conceito filosófico da coexistência também está presente no conhecimento da astrologia. Os doze signos são analisados em dois grupos duais: positivo/negativo e masculino/ feminino. O último grupo não se refere ao gênero sexual frisam os astrólogos contemporâneos.  Tanto os nascidos no corpo físico de homem ou mulher, ambos possuem dentro de si, a dualidade do yin/yang, o ativo/ passivo, positivo/ negativo vibram em toda a nossa essência. Na mandala astrológica, no Mapa Natal, o signos são alternadamente , positivo e negativos, e tendo os signos opostos a mesma polaridade.

Signos de  polaridade positiva:  

Áries, Gêmeos, Leão, Libra, Sagitário e Aquário;    

Signos polaridade negativa:  

Touro, Câncer, Virgem, Escorpião, Capricórnio e Peixes.